Aguarde um momento, por favor...

 
 
EnglishEnglish
 
 
 
Autores
Maria de Lourdes Lima dos Santos (coordenação), Rui Telmo Gomes, José Soares Neves, Maria João Lima, Vanda Lourenço, Teresa Duarte Martinho e Jorge Alves dos Santos
 
Título
Políticas Culturais e Descentralização: Impactos do Programa Difusão das Artes do Espectáculo
 
Data de Edição: Dezembro de 2004  -  Língua: Português
ISBN: 972-8488-28-9  -  Depósito Legal: 219136/04
Nº de Páginas: 449  -  Tiragem:  1000 Exemplares
Formato: 14,5x20,9  -  Preço: 25,00 €
 
 
Resumo: O Programa Difusão das Artes do Espectáculo (PDAE) foi lançado pelo Instituto Português das Artes do Espectáculo, através do seu Departamento de Difusão e Descentralização, tendo decorrido entre 2000 e 2002, em várias autarquias do Continente. Neste estudo do OAC faz-se uma avaliação dos impactos do referido Programa que passa pela caracterização dos agentes envolvidos (Entidades proponentes das produções e Entidades artísticas bem como Autarquias participantes); dos espectáculos realizados, respectivas sessões e espectadores; da repartição geográfica da oferta e procura cultural no quadro do PDAE. A componente formativa (ateliês para a formação de públicos) é igualmente objecto da análise aqui empreendida. Para além do estudo dos impactos, os procedimentos e instrumentos de que o PDAE se foi dotando, ao longo da sua existência, constituem uma outra linha de avaliação integrada neste estudo de caso sobre uma medida política visando a descentralização cultural.
 
Palavras-Chave: Autarquias - Políticas culturais - Descentralização - Profissionais da cultura - Programação cultural - Financiamento da cultura
 
Índice:
Introdução
1. POLÍTICAS CULTURAIS, DIFUSÃO DAS ARTES DO ESPECTÁCULO E AVALIAÇÃO
1.1. Questões de política cultural
1.2. O Programa Difusão das Artes do Espectáculo
1.3. Avaliação de políticas culturais e avaliação do PDAE
2. AGENTES CULTURAIS ADERENTES E PARTICIPANTES (ESPECTÁCULOS)
2.1. Entidades Proponentes
2.2. Entidades Artísticas
2.3. Elencos artísticos
3. AUTARQUIAS PARTICIPANTES
3.1. Perfil das autarquias
3.2. Caracterização dos recursos mobilizados
3.3. Dinâmicas culturais locais
4. ESPECTÁCULOS: OFERTA, PROCURA E DESCENTRALIZAÇÃO
4.1. A oferta no âmbito do PDAE: sessões de espectáculos e recintos
4.2. Procura de espectáculos
4.3. Territorialização do PDAE
5. ESPECTÁCULOS: ASPECTOS TÉCNICOS, ECONÓMICOS E PROMOCIONAIS
5.1. Aspectos técnicos
5.2. Aspectos económicos
5.3. Aspectos promocionais
6. FORMAÇÃO DE PÚBLICOS
6.1. Princípios e objectivos da componente formativa do PDAE
6.2. Oferta e procura de ateliês
6.3. Impactos da componente formativa do PDAE
7. PONTOS DE VISTA DOS AGENTES CULTURAIS IMPLICADOS
7.1. Apreciação sobre os objectivos do PDAE
7.2. Forma de conhecimento do PDAE
7.3. Questões processuais
7.4. Relações com o IPAE
7.5. Relações entre Entidades Proponentes e Autarquias
7.6. Adequação das Produções ao formato do PDAE
7.7. Questões económicas
7.8. Impactos do PDAE
7.9. Impactos da suspensão do PDAE
7.10. Tópicos para uma eventual reformulação do PDAE
8. BALANÇO
AUTORES CITADOS
ANEXOS